NÃO É MIMIMI!

Não é mimimi, pois o preconceito linguístico existe e dependendo da forma como falamos, poderemos ser alvos de alguma chacota, piada ou brincadeira. Não é mimimi, pois todos os sotaques brasileiros têm o seu valor, são constituídos de histórias e dinâmicas sociais regionais e suas diferenças não os classificam qualitativamente. Não é mimimi, existem sim piadas ofensivas que fazem uso dos regionalismos como exemplos exóticos e ofendem quem delas for objeto. Não é mimimi, pois podemos sim diminuir o uso de expressões históricamente preconceituosas, sexicistas, lgbtfóbicas, racistas, xenofóbicas. Pense nisso.

2e0fccf49df19c50d15583f929a6dbd6ad88b4a542a83767c95516535a43aa3a

Mimimi é uma gíria usada na comunicação informal quando se quer indicar que a pessoa está fazendo uma reclamação sem sentido, chata, diminuindo, até mesmo, as razões pela reclamação.  

Você já foi alvo de alguma brincadeira, piada ou comentário que o tenha ofendido de alguma maneira? Acha mimimi reclamar do uso de “serviço de preto” para falar sobre um trabalho mal feito? Quando alguém ri da forma como outro alguém fala, isso te incomoda? Comente aqui para que possamos trocar uma ideia.

Você pode também compartilhar conosco pelas hashtags: #criemlp #educativomlp #educativoevcmlp.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *