Para bom entendedor…

Existem frases que são bem conhecidas na comunicação, podemos chamá-las de frases feitas, inclusive. O curioso é que não raro as pessoas não as pronunciarem por completo. Frases pela metade, “meio ditas”, também são entendidas em sua plenitude. Às vezes elas são completadas por gestos, sons, expressões faciais e movimentos de corpo.

Que outras frases ou expressões você se lembra que as pessoas utilizam desta forma?15400576_908809739220712_5382902526226437299_n

#criemlp #educativoevcmlp #educativomlp

Qual é o crush da vez?

crush

A palavra “crush” que vem do inglês e significa “esmagar” está sendo usada com um significado bem diferente, você sabe qual?

“Amiga, socorro! Meu crush vem ai! O que eu faço?”

“Olha lá Gabriela, seu crush!”

“O Caio é o meu crush, mas ele nunca vai saber que eu existo…”

Isso mesmo, é uma gíria que significa o paquera, a pessoa de quem você está gostando, sua paixão platônica. Esta palavra tem sido freqüente entre os adolescentes principalmente nas redes sociais e veio para substituir palavras como: paixonite, ficante, quedinha…

Você se lembra das palavras cabrero, borocoxô, lero-lero, bulhufas, sirigaita? Quais você usa hoje para dizer o mesmo que elas diziam no passado?

 #criemlp #educativoevcmlp #educativomlp

A melhor equipe que você respeita!

A internet tem provado que novas expressões podem surgir em questão de segundos. Com isso a Língua Portuguesa, assim como outras, vem ganhando novas caras e fica mais dinâmica. Talvez você ainda não tenha visto, mas uma das frases que tomou conta da web nos últimos tempos é essa: “a/o melhor…que você respeita.”

nx2cxr-jpg

A origem dessa expressão é incerta, mas viralizou no twitter por conta de um fã do cantor pop Justin Bieber. Fique atento porque onde você menos espera pode surgir uma nova expressão ou meme.

Qual será o tempo de permanência de uma expressão como essa entre os falantes? Tente lembrar dos últimos memes que surgiram. Eles ainda são utilizados? #criemlp #educativoevcmlp #educativomlp

 

13179359_897726037005444_3868432364129248884_n

 

 

 

 

Já falamos aqui sobre o emoji como figura que, por si só, já contém sentidos. Sentidos esses que se moldam a grupos e situações. Usamos como exemplo o cumprimento usado nos Estados Unidos chamado “hifive” e originalmente representado pelo emoji que que no Brasil adquiriu o sentido de rezarenhanced-buzz-4103-1416335271-21Mais recentemente um emoji (ou emoticom) entrou em evidência – por questões políticas – e tendo sido muito usado e comentado. O sentido de vomitar da figura tem adotado novas nuances, mostrando que a comunicação é, também, produto de uma sociedade.

13179359_897726037005444_3868432364129248884_n

Note como você, seu grupo e outras pessoas vão utilizando os emoticons (ou emojis) nas redes sociais e aplicativos de comunicação e veja como vão mudando os seus significados apropriações.

Lembramos que o espaço para trocas continua:

#criemlp #educativoevcmlp#educativomlp.

ENEM

O Exame Nacional do Ensino Médio têm rendido boas discussões. A proposta de redação deste ano, por exemplo, foi sobre intolerância religiosa e nós do MLP já trabalhamos esta questão por meio das palavras que fazem parte de nossa língua, como as implicações preconceituosas com a palavra macumba aqui no Brasil, a questão da letra maiúscula em Deus/deus, dentre outras.

Há, também, um pouco de diversão em torno do “evento ENEM”. Comunidades são criadas nas redes sociais, brincadeiras são feitas e fotos e memes se multiplicam. Os “atrasados do ENEM” tornaram-se um caso à parte, inclusive. Hoje o que queremos de fato abordar é a capacidade com que o falante cria trocadilhos com sua língua como neste meme fresquinho do ENEM 2016.

14955834_1258478644222182_4260361922902095915_n

Perceba como nossa mente lida com a comunicação do dia a dia, tente encontrar os trocadilhos que de tão comuns passam despercebidos. Fique atentos também para os trocadilhos que você mesmo cria para se comunicar e tente deixar evidentes as razões para isso: diversão, facilidade de compreensão de sua fala? A língua tem muitas facetas e você falante conhece todas elas.

Se conhecer trocadilhos ou jogos com palavras que aparecem junto com o ENEM, compartilhe: #criemlp #educativoevcmlp#educativomlp. Esta imagem foi retirada da internet e está disponível em: https://www.facebook.com/1258410514228995/photos/a.1258414474228599.1073741828.1258410514228995/1258478644222182/?type=3&theater.

 

PEC

Que tal brincar com as siglas e as abreviaturas?

Que coisas são essas? Bom, siglas são aquelas combinações de letras usadas para nomear lugares (BRA), documentos (RG), instituições (ONU) e muitas outras coisas, como as Propostas de Emendas Constitucionais (PECs), por exemplo. As letras iniciais das palavras formam as siglas. Já as abreviaturas são partes de palavras que elas acabam representando como por exemplo: cód. (código).

Algumas siglas e abreviaturas são fáceis ou já estão enraizadas em nossas memórias, outras por serem novas custam a serem compreendidas por muitas pessoas. O que não se pode fazer é deixar que elas encubram o entendimento daquilo que nomeiam. Isso pode ser muito perigoso, como não saber o que é uma PEC, por exemplo.

Fala pra gente, você sabe o que significa as siglas e abreviaturas que fazem parte do seu dia-a-dia? Vamos citar algumas, pense aí:

 CPF          INSS       CPTM        ONU

PIS         CTPS        CEP         FUNAI

PEC

Dentre as inúmeras siglas você até pode se virar sem saber o que significa cada uma das letras que as formam. Se alguém te pedir o CEP de seu endereço, rapidinho você vai se lembrar dos 07 números e nem precisará se lembrar que CEP significa código de endereçamento postal. Mas, caso tenha que falar de algumas outras, não saber o que elas significam pode gerar muitos problemas, como opinar sobre uma PEC, por exemplo, sem saber os reais impactos que a aprovação de uma Proposta de Emenda Constitucional pode causar em sua vida e de seus compatriotas.

Mas, cadê a tal da brincadeira? Calma, foi preciso introduzir o assunto, né?! (rs) É o seguinte: brinque com seus colegas de usar as siglas como criptografias simples de comunicação. Criptografe (crie códigos) em suas comunicações com siglas de coisas comuns entre vocês. Se vocês fizerem isso vão perceber que na verdade já fazem e nem se deram conta. Não vamos dar exemplos por que como é que vocês iriam decodificar?! Talvez esses aqui:

 MSL: MIGA SUA LOCA

TNA: TÔ NEM AÍ

Ah, outra ideia é renomear, por diversão e entre seus colegas apenas, as siglas que já existem, veja isso:

RG: RINDO GERAL

CPF: CORRAM PARA FORA

PEC: POUPE ESTE CIDADÃO

Como já é de costume de nossa parte pedir: compartilhe o que achou disso. As hashtags para isso são: #criemlp #educativomlp #educativoevcmlp.

Você esta me Stalkeando?

efxp5a-jpgVocê já ouviu a palavra Stalkear por ai? Já foi stalkeado ou já stalkeou?

Stalkear é uma palavra derivada do inglês stalkingto stalk: perseguir incessantemente, onde stalker é o perseguidor. Nas redes sociais brasileiras, o neologismo ganhou o significado de “pesquisar a vida e as informações de alguém”, para saber mais sobre o outro, o que gosta ou, até mesmo, estar mais próximo de um paquera e ter informações privilegiadas.

Mas não foi sempre assim, o termo também foi e ainda pode ser utilizado para se referir a diferentes perseguições, como por exemplo, as que celebridades sofrem.

Hoje em dia, através das mídias, qualquer pessoa pode ter sua vida pesquisada e isso ser considerado normal dentro de um certo limite.

Outras palavras utilizadas na internet se tornaram expressões muito utilizadas no nosso dia a dia. Que tal listar algumas delas e ver com seus amigos se eles sabem dizer de onde vem e seu significado? Compartilhe com a gente através das hashtags #criemlp #educativomlp #educativoevcmlp.

VISUALIZOU, MAS NÃO RESPONDEU?

 

https://1.bp.blogspot.com/-9uhTbX92Hww/VwZXip_8WWI/AAAAAAAAU7c/ggUMzJqYppgJYIGbvejIsubY5eFYOmrjA/s1600/whatsapp_atualizacao.jpg
https://1.bp.blogspot.com/-9uhTbX92Hww/VwZXip_8WWI/AAAAAAAAU7c/ggUMzJqYppgJYIGbvejIsubY5eFYOmrjA/s1600/whatsapp_atualizacao.jpg

Você conversa com alguém no Whatsapp. É um papo tenso ou importante. Você quer respostas rápidas e precisas. Talvez seja uma ‘DR’, uma paquera, uma notícia bombástica. Sua última mensagem foi enviada, você sabe disso porque apareceu na frente dela uma seta como esta . Você espera, com apreensão e provavelmente leve as unhas à boca. Duas setas √√, agora a mensagem foi entregue, já está no aplicativo da outra pessoa. Seus pés tremem impacientes e começa a falar baixinho “lê logo, lê logo”. Opa, as duas setas ficaram azuis √√, a mensagem foi lida. Cadê a resposta? Segundos tornam-se minutos. Sua paciência vai diminuindo. A ansiedade vai crescendo. Nada de resposta. Você começa a xingar mentalmente. Nada de resposta…

Esta cena tem sido corriqueira na comunicação daqueles com acesso à tecnologia. Os aplicativos estão aí e têm transformado a forma como as pessoas se relacionam. Quando estas setas vão aparecendo no Whatsapp seus usuários sabem exatamente o que cada uma delas significa. Elas têm o seu sentido neste contexto e cumprem uma função comunicativa para quem as usa. Isso também é comunicação.

Um falante eficiente consegue transitar por diferentes contextos de comunicação e se adaptar a todos eles. Faça uma experiência: imprima em cartões (ou desenhe) os símbolos e emojis dos aplicativos de comunicação ou ligados às redes sociais, como o curtir do Facebook por exemplo. Use esses cartões para conversar com seus amigos. Tente também conversar com outras pessoas, mais velhas e mais novas que você e perceba as diferenças de percepção. Não explique os símbolos num primeiro momento, você vai usá-los como a sua comunicação ou para completar ela. Por exemplo: se alguém te fizer uma pergunta que não queira responder, porque não sacar do bolso uma carta com as duas setas azuis? Tente reproduzir, fora do espaço virtual, a comunicação de lá e veja se os dois contextos permitem o mesmo tipo de ferramentas!

http://wanna-joke.com/wp-content/uploads/2014/11/funny-batman-whatsapp-check.jpg
http://wanna-joke.com/wp-content/uploads/2014/11/funny-batman-whatsapp-check.jpg

Não se esqueça, comente os resultados e as suas impressões nas hashtags #criemlp #educativomlp #educativoevcmlp.

 

NÃO É MIMIMI!

Não é mimimi, pois o preconceito linguístico existe e dependendo da forma como falamos, poderemos ser alvos de alguma chacota, piada ou brincadeira. Não é mimimi, pois todos os sotaques brasileiros têm o seu valor, são constituídos de histórias e dinâmicas sociais regionais e suas diferenças não os classificam qualitativamente. Não é mimimi, existem sim piadas ofensivas que fazem uso dos regionalismos como exemplos exóticos e ofendem quem delas for objeto. Não é mimimi, pois podemos sim diminuir o uso de expressões históricamente preconceituosas, sexicistas, lgbtfóbicas, racistas, xenofóbicas. Pense nisso.

2e0fccf49df19c50d15583f929a6dbd6ad88b4a542a83767c95516535a43aa3a

Mimimi é uma gíria usada na comunicação informal quando se quer indicar que a pessoa está fazendo uma reclamação sem sentido, chata, diminuindo, até mesmo, as razões pela reclamação.  

Você já foi alvo de alguma brincadeira, piada ou comentário que o tenha ofendido de alguma maneira? Acha mimimi reclamar do uso de “serviço de preto” para falar sobre um trabalho mal feito? Quando alguém ri da forma como outro alguém fala, isso te incomoda? Comente aqui para que possamos trocar uma ideia.

Você pode também compartilhar conosco pelas hashtags: #criemlp #educativomlp #educativoevcmlp.